28 de fev de 2012

Metodologia canadense

A forma de ensino canadense é muito diferente da tradicional, aplicada em muitas escolas brasileiras, que conhecemos. O programa canadense segue os princípios da educação holística, isto é, o ensino está voltado para o desenvolvimento da criança como um todo, envolvendo não apenas a parte intelectual, mas também emocional, física e social. Assim, cada aluno é observado pelos professores de maneira individual e as crianças têm oportunidade de construir novos conhecimentos, explorando seu universo em um ritmo próprio.

O ambiente também condiz com a proposta. O programa de educação canadense oferece aos pequenos um ambiente encorajador que incentiva a criatividade e auto-expressão. A prioridade é ajudar as crianças a se tornarem capazes em todas as habilidades exigidas, cada uma em seu tempo.

Prática

Nas escolas da Maple Bear – que têm como base a metodologia canadense – é possível observar na prática a proposta do programa. Camila Rivetti, coordenadora pedagógica da Maple Bear Alphaville, conta que as amplas salas de aula oferecem às crianças centros de aprendizagem em que os pequenos podem colocar a mão na massa, testar e descobrir coisas.

Nas turmas com 15 alunos, por exemplo, há três centros de aprendizado com cinco alunos cada. “Todo mundo faz todas as atividades ao longo da semana, mas as crianças têm que esperar a vez para chegar a determinado centro, por isso elas valorizam as atividades que estão sendo exercidas pelos colegas”, conta Camila.

A rotina também é planejada cuidadosamente, com um currículo que permite às crianças explorar e descobrir suas habilidades. Desta maneira, os pequenos desenvolvem suas competências sociais ao mesmo tempo em que adquirem conhecimento linguístico e cultural.

Camila conta que a metodologia leva em consideração o que a criança já sabe, proporcionando a ela novos desafios, para que assim possa desenvolver novas habilidades e construir novos conhecimentos. “Observamos o que o aluno precisa. É interessante porque trabalhamos a questão da autonomia para o aprendizado. É uma fórmula que funciona muito bem”, afirma Camila.

A prioridade nas escolas Maple Bear é a alfabetização em inglês e em português. A imersão nos dois idiomas é adaptada para que os pequenos aprendam, de forma progressiva, a lidar com o bilinguismo.

Para Camila, este é um dos fatores mais importantes da metodologia. “As crianças ficam mais abertas a novas possibilidades. É legal vê-los crescendo com a segunda língua, com a fluência. Certamente esta experiência irá ajudá-los muito no futuro, no que irão buscar em suas existências. Esta forma de ensinar é muito eficiente e importante. É um ensino para a toda vida, isto é, não está atrelado apenas a questões escolares”, ressalta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caro internauta,

Os comentários aqui postados são moderados a critério do site, não sendo permitido posts com difamação, incitação à violência, preconceito e nem divulgação de links para conteúdo inapropriado.

Obrigado!